Matcha – Os surpreendentes benefícios deste maravilhoso elixir dos imortais

Matcha – Os surpreendentes benefícios deste maravilhoso elixir dos imortais

Já reparou que, recentemente, a popularidade do matcha disparou: shots de matcha, chás e até sobremesas…

Tal como o chá verde, o matcha vem da planta Camellia Sinensis. No entanto, cresceu de forma diferente e possui um perfil nutritivo exclusivo.

Os agricultores cultivam matcha cobrindo as plantas de chá, 20 a 30 dias antes da colheita, para evitar a luz solar directa. Isso aumenta a produção de clorofila, o teor de aminoácidos e dá à planta uma tonalidade mais escura.

Depois que as folhas de chá são colhidas, as hastes e veias são removidas e as folhas são moídas num pó fino, conhecido como matcha.

O matcha contém os nutrientes de toda a folha de chá, o que resulta em maiores quantidades de cafeína e antioxidantes do que as encontradas no chá verde.

Alguns estudos sobre o matcha, e os seus componentes, revelaram uma variedade de benefícios, mostrando que, para além de ser altamente rico em antioxidantes, ele pode:

  • ajudar a proteger o fígado;
  • aumentar a função cerebral;
  • ajudar a prevenir o cancro;
  • promover a saúde do coração;
  • auxiliar na perda de peso.

Você sabia que a maioria dos benefícios do chá verde mais puro e poderoso do planeta – matcha – está ligada a um aminoácido exclusivo e raro chamado L-teanina?

Leia este artigo para descobrir tudo.

Um pouco de história sobre o matcha…

No ano 1191, o mestre zen Eisai, que acabara de regressar ao Japão, seu país natal, depois de uma longa jornada marítima, trazia consigo duas coisas que estavam prestes a mudar o rumo da história: a primeira escritura zen e sementes. Essas sementes transformar-se-iam numa das plantas mais poderosas e o chá tinha chegado ao Japão.

Ele disse aos eus discípulos: “O chá é um remédio milagroso para a manutenção da saúde, é o elixir que cria os imortais que habitam nas montanhas”.

Agora, passados mais de 800 anos, sabemos por que razão ele chamou elixir dos imortais das montanhas a esta bebida especial.

O chá verde contém um aminoácido exclusivo e extremamente raro chamado L-teanina – não conseguimos encontrá-lo em nenhum outro lugar da natureza em quantidades tão grandes.

E é precisamente esse nutriente que tem efeitos profundos no corpo e na mente.

Portanto, não é de admirar que, inicialmente, tenha sido disponibilizado apenas para monges meditadores, a família real japonesa e o líder dos samurais.

Mas saiba que este não era apenas mais um simples chá verde. Isto porque as práticas secretas de cultivo, colheita e processamento foram aperfeiçoadas para garantir que os mais altos níveis de L-teanina fossem disponibilizados. Chamaram-no matcha.

O matcha é considerado a forma mais pura e concentrada de chá verde.

E os seus efeitos e sabor estão directamente ligados à concentração de L-teanina. Quanto mais altos os níveis de L-teanina mais fino e menos amargo é o sabor e mais profundos os seus efeitos.

Matcha de alta qualidade é raro.

Hoje, infelizmente, a maioria é de baixa qualidade ou não é matcha (apenas pó de chá verde) – com uma baixa concentração de L-teanina e não digno do título de elixir dos imortais.

Tome atenção: facilmente podemos adivinhar a qualidade pelo sabor e pela cor. O matcha de qualidade não deve ser amargo, deve ser suave, cremoso, de sabor fino e doce e de cor verde vibrante.

O que tem, então, de tão especial este aminoácido presente no matcha?

Ajuda-nos a ficar mais focados, com a mente mais clara e a manter a calma

Basta saber que o matcha era a bebida preferida dos monges que pretendiam ficar em meditação por muitas horas seguidas! Eles precisavam ficar acordados e concentrados, mas ao mesmo tempo relaxados e calmos.

Este aminoácido altera os padrões das ondas cerebrais. E essa mudança pode levar ao aumento do foco e à capacidade de ignorar melhor as informações visuais que distraem ao tentar executar tarefas altamente exigentes.

Aumenta o pensamento criativo e a capacidade de resolução de problemas

Alguns estudos descobriram que a L-teanina leva a um aumento da actividade das ondas cerebrais alfa que estão ligadas ao pensamento criativo.

Trata-se, assim, de uma pequena ajuda para resolver um problema difícil, superar um bloqueio mental ou começar a pensar de outra forma, o que pode ser realmente muito gratificante!

Ajuda a manter a calma sob pressão

Todos nós desejamos conseguir evitar a negatividade, permanecer calmos e equilibrados numa situação de alta pressão ou confronto, certo?

Sabe-se, graças a alguns estudos, que a L-teanina ajuda a reduzir a frequência cardíaca e outras respostas a situações de alta pressão.

Aumenta a capacidade de aprendizagem e a memória

Este aminoácido afecta positivamente a aprendizagem e a memória.

Seja na escola, na universidade ou no trabalho, todos aprendemos continuamente e tentamos reter, diariamente, o máximo de informação possível . Para isso a L-teanina presente no matcha pode ajudar.

Depois disto tudo, deve estar a pensar: tem efeitos colaterais? A resposta é não.

A L-teanina do matcha não tem nenhum dos efeitos negativos que podemos observar se, por exemplo, tomarmos café para obter os mesmos resultados. Isto porque, um matcha de alta qualidade não causa nervosismo, sensação de desconforto e suores frios, como o café pode causar.

E como se prepara?

Tirar proveito dos muitos benefícios é simples, porque é muito fácil de preparar e o chá é delicioso, por isso, pode incorporá-lo sem esforço na sua dieta e dar ao seu dia uma explosão extra de sabor.

  • Pode fazer o tradicional chá matcha peneirando 1 a 2 colheres de chá (2 a 4 gramas) de pó de matcha na sua chávena, adicionando 60 ml de água quente e misturando bem com um batedor de bambu.
  • Pode e deve ajustar a proporção de matcha em pó e água com base na consistência que prefere.
  • Para um chá mais fino, reduza o pó para meia colher de chá (1 grama) e misture cerca de 100 ml de água quente.
  • Se preferir uma versão mais concentrada, combine 2 colheres de chá (4 gramas) de pó com apenas 30 ml de água.
  • Se estiver inspirado, pode até experimentar lattes de matcha, pudins ou smoothies de proteínas para aumentar o conteúdo de nutrientes das suas receitas favoritas.

Tome nota!

Como sempre, a moderação é fundamental.
Embora o matcha apresente muitos benefícios para a saúde, mais não é necessariamente melhor. Por isso, consuma matcha com moderação.
O melhor é consumir 1 ou 2 chávenas por dia e procurar variedades biológicas certificadas para tirar proveito dos seus muitos benefícios.

 

Avatar

GoVidaUp

Deixe uma resposta

shares